21 de mar de 2014

Belga Corner: Sotaque do coccix até o pescoço!

O ato de comer tem língua e linguagem, tem magnetismo, personalidade, sotaque que seduz. Não há definição mais precisa quando você se entrega a um sabor único, no qual é possível sentir não só amor e técnica inquestionável, mas um sotaque especial. Sotaque é para além de regionalismo. Na minha concepção de gosto, cada pessoa tem o seu, cada paladar encontra o tempero de um chef diferente, o sotaque dele.

Em busca de um lugar para se comer um docinho presença, encontrei o "Belga Corner". No badalado bairro do Itaim, o espaço pequeno que nada tem a ver com castelos também não fica em uma esquina. O ambiente é bem clean, com poucas mesas, mas logo de cara arrebatou meu coração. Em primeiro lugar, porque a trilha sonora era por conta de Marisa Monte. E depois, olha a fofura que eles prepararam para o especial do dia:





Empreitada de dois sócios belgas, o atendimento é super simpático, atencioso e preciso, mesmo ainda neste comecinho que chamamos de "fase de testes". Para abir os trabalhos, a opção óbvia ficou por conta das fritas belgas. Famosas pela textura e sabor, a porção fez jus à sua origem. Deliciosas e acompanhadas de maionese da casa foram a pedida perfeita. A única ressalva é a quantidade. Brasileiro se joga em batatas, né? Achei que vieram poucas para o preço de R$ 22.


Para beber, abri mão da minha favorita Stella para experimentar outro sabor da Bélgica. O garçon recomendou a opção abaixo que, além de ter um nome bonito e impronunciável, acompanhada de uma rodela de limão falou ao meu coração com palavras eternas. Uma belezura por R$13:








13 de mar de 2014

Por um mundo mais florido e empreendedor

"Empreendedorismo é saber identificar oportunidades e transformá-las em um negócio lucrativo."

Hoje vou contar a história de como deixei várias meninas mais floridas no carnaval e como foi ter uma semana 100% empreendedora.

Tudo começou duas semanas antes do carnaval, quando dois bloquinhos muitos legais do Rio iriam tocar aqui em SP, o Bangalafumenga e o Sargento Pimenta, já tinha ido nos dois ano passado e gostei bastante, esse ano iria novamente com certeza!

A folia seria no sábado e na quinta-feira comecei a pensar no que iria usar. Um tempo depois a cama estava coberta de roupas coloridas, mas faltava algo, queria algum adereço para colocar na cabeça e dar um up no visual, foi então que pensei numa headband floral, dei uma pesquisada em sites na internet e estava tudo bem caro, então resolvi eu mesma fazer a minha.

Na mesma tarde fui a caça de flores artificiais, arames, fitas e colas para colocar a mão na massa. De volta em casa fiz a minha coroa com flores rosas, essa da foto abaixo, agora sim estava pronta pro "alalaô".



Depois que postei minha foto usando as flores, várias amigas vieram me elogiar e perguntar onde tinha encontrado, muitas queriam também, mas não achavam nenhuma bonita nas lojas ou achavam tudo muito caro. Passado o fim de semana de pré-carnaval lá vou eu pensar no look do fim de semana seguinte, iria fazer mais uma coroa ou tiara de flores pra mim e pensei que poderia ajudar as minhas amigas que se interessaram em usar flores também. Fiz uma pesquisa rápida no facebook perguntando se alguém queria encomendar headbands comigo, o retorno foi um sucesso e lá fui eu comprar mais um monte de flores e afins.

10 de mar de 2014

Uma parede, muitas ideias e indecisões

Estou pensando no que fazer numa das paredes do meu quarto, a que fica atrás da minha cama, e por isso estou pesquisando em vários blogs e sites de decoração coisas que me inspirem.  Decidi dividir aqui com vocês algumas ideias bacanas que tenho encontrado. Quem sabe alguém não esteja na mesma situação que eu ou então não decida dar uma renovada no ambiente!


Primeiro pensei em substituir o abajur do lado da cama por pendentes, esses são bem bonitos:


Outra coisa bacana que vi por aí foram umas pinturas geométricas na parede, olhem só: