24 de abr de 2012

Livro, meu companheiro de todas as horas

Que eu gosto de ler é muito óbvio, afinal, me formei em Letras e sou revisora. Sempre tenho um livro na bolsa, vou e volto do trabalho lendo, além de já ler o dia todo. Sou daquelas que marca os trechos preferidos e que faz anotações no meio da leitura, faço isso porque adoro pegar um livro que li há muito tempo e ficar relendo minhas marcações!


Estou falando tudo isso porque hoje assisti um vídeo lindo (esse aí embaixo) que mostra todo o processo para a confecção de um livro, usando os métodos tradicionais de impressão. Numa época em que se fala tanto em E-books me deu vontade de mostrar como é bom ler o livro em sí, no papel de verdade e não numa tela.


Impressionante como cada etapa exige um cuidado especial, não é?! Lindo de ver!


Ah e sim, eu vou continuar lendo meus "livrinhos" da forma tradicional. Espero um dia ter uma biblioteca bem grande, que minha filha tenha a possibilidade de reler as mesmas páginas que eu li um dia e saiba quais foram os trechos que mais gostei. Acredito que será como estar com ela durante a leitura.



Por fim recomendo a página Vintage Books & Anchor Books do Facebook, que sempre posta trechos interessantes de grandes autores, como essas abaixo:

“The more I like a book, the more slowly I read. this spontaneous talking back to a book is one of the things that makes reading so valuable.” (Anatole Broyard)

“To read a writer is for me not merely to get an idea of what he says, but to go off with him and travel in his company.”(André Gide)

“Books say: She did this because. Life says: She did this. Books are where things are explained to you; life is where things aren't. I'm not surprised some people prefer books.” (Julian BarnesFlaubert's Parrot)



2 comentários:

  1. Uma lindeza mesmo esse vídeo Amanda. Coisa linda de se ver. Me fez gostar ainda mais de livros!

    ResponderExcluir